Muriaeenses lançam curta-metragem “Marinas” nesta quinta-feira



O projeto foi contemplado pela Lei Alcyr Pires Vermelho e gravado inteiramente em Muriaé. As imagens foram captadas entre agosto e setembro deste ano, em locações diversas. O resultado final, o curta Marinas, pode ser visto na sua estreia, no próximo dia 7. O filme será exibido em duas sessões: 19h30 e 20h15 (duração de 17 min.), na Cinemateca do Centro Cultural Grande Hotel. O evento é gratuito e aberto à toda a comunidade.Ao longo do processo criativo, Thaís Monteiro de Castro, a roteirista, criou diálogos e desdobramentos narrativos que elevaram a trama a outro patamar de originalidade. A direção geral e de fotografia é de Raphael Phields, da produtora muriaeense Stereophields. Já a produção da obra é da jornalista Alice Piermatei (A. Comunicação).
Três atrizes vivem a protagonista Marina ao longo de sua vida: Maria Eduarda Pinheiro, Jaine Heloísa e Nanda O Nanda – que também compôs e interpretou a canção “Jantar”, trilha original do filme. Edirley Magalhães vive Augusto na trama, Lara Coelho Roriz é Lara e Euller Luz é Francisco. O curta tem ainda edição de áudio de Claudir Panda, do Estúdio Panda.

Sinopse: Marina, aos 60 anos vive uma crise. Questiona suas decisões e o reflexo delas em suas relações. Ao longo do filme ela vai mostrar seu descontentamento com a vida e como ele é consequência de suas escolhas egocêntricas.

A protagonista, em 2017, já quase não reconhece quem foi – tanto em sua adolescência, quanto no início da vida adulta, cercada de amor e amigos.

Relações quebradas, distanciamento, arrependimento. Será que Marina ainda acredita que seu futuro pode ser diferente?

VEJA TAMBÉM

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *