11
jan

Envolvimento com tráfico provoca mais uma morte em Muriaé




cicatrizA guerra de tráfico que toma conta de quase todo país, provocou mais uma morte violenta em Muriaé. Populares chamaram a polícia, que deparou com o corpo de Alessandro Theodoro dos Santos, 17 anos, conhecido como “Cicatriz”, na ponte da Coruja, próximo ao Macuco. A vítima, segundo constatou o Perito Alenderson e o auxiliar de necrópsia Ivanildo (Preto do IML), foi levada para o local onde foi morta a facadas no pescoço e depois os autores ainda colocaram fogo em parte do corpo de Cicatriz.
dsc05451A equipe da Polícia Civil, comandado pelo delegado Rangel Martino, já trabalha na apuração do crime, que teve os mesmo requintes de crueldade da morte de uma jovem na madrugada de sábado, no Aeroporto, onde ela foi morta a tiros e teve também parte do corpo queimado.
O corpo de cicatriz, que era apontado como um dos envolvidos na morte de Jusley Furtado Silva, ocorrida na noite de 2 de dezembro, no bairro Aeroporto, foi liberado para o IML de Muriaé. Ultimamente ele morava no Marambaia, mas durante muitos meses viveu no Aeroporto, de onde saiu após ser acusado pela morte de Jusley.

Deixe seu comentário


Copy Protected by Chetans WP-Copyprotect.